Dica de site: They Draw and Cook

They Draw and Cook (eles desenham e cozinham, em inglês), é um site em que receitas ilustradas feitas por artistas do mundo inteiro são publicadas diariamente. Os irmãos norte-americanos Nate Padavick e Salli Swindell tiveram a ideia genial de ilustrar comidas e postar os desenhos em um blog. Pediram ajuda a alguns ilustradores e logo pessoas do mundo inteiro quiseram colaborar.

Hoje o site abriga a maior coleção de receitas ilustradas no mundo! De tempos em tempos, os donos do site reúnem algumas ilustrações bacanas e publicam livros lindos.

Para participar do site, não é necessário passar por nenhuma seleção. Qualquer um pode enviar imagens, de acordo com as especificações pedidas no blog, e realizar um cadastro simples. Os artistas não são pagos, apenas se alguém na internet quiser comprar a arte original.

Veja algumas imagens incríveis publicadas no site:

receita2

Scones and English Tea, de Brittney Sidoti

receita1

Polish Paczkis, de Ali Thomas

receita3

Grandma’s Fresh Strawberry Pie, de Katie Chandler

receita4

Vegetarian Borscht, de Podlaska Dorota

E minha modesta participação, em que desenhei minha receita de sorvete de manjericão com calda de morango.

receita5

Para quem se interessou pela minha receita, aqui vai ela em português:

Sorvete de Manjericão

Ingredientes:

395g de leite condensado

300g de creme de leite

1 ½ de manjericão fresco picado

Coloque os ingredientes em um processador e pulse para combinar. Congele a mistura por 3 horas.

Remova o sorvete do congelador e bata na batedeira até ficar uma mistura mais macia. Congele por mais duas horas ou até endurecer.

Geleia de morango

Ingredientes:

600g de morangos sem as folhinhas

1 ½ colheres de sopa de açúcar

Coloque os ingredientes em uma panela. Ferva em fogo baixo. Conserve na geladeira.

Sirva o sorvete coberto com a geleia e folhinhas de manjericão para decorar.

Gosto de fazer a calda sem despedaçar tanto os morangos e bem azedinha, para contrapor com o doce do sorvete.

Dica Cultural: Quarteto de Cordas da Cidade de São Paulo

Para quem vai estar em São Paulo no feriado, uma ótima dica de concerto: o Quarteto de Cordas da Cidade de São Paulo (carinhosamente chamado de “Quarteto da Cidade” – se apresenta na Sala do Conservatório da Praça das Artes nesta quinta-feira, às 20h.

quarteto-de-cordas-web-0

(Foto: divulgação)

Composto pelos músicos  Betina Stegmann, Nelson Rios (violinos), Marcelo Jaffé (viola) e Robert Suetholz (violoncelo) o Quarteto da Cidade existe, desta forma, desde 1981. É um dos corpos artísticos estáveis do Theatro Municipal de São Paulo. Com a falta de uma sala adequada à música de câmara no Theatro, o Quarteto sempre teve uma alma “nômade”, se apresentando por vezes no palco principal do Theatro – de dimensões gigantescas para o trabalho camerístico -, o Salão Nobre do Theatro – cuja acústica é inexistente -, as escadarias do Theatro – que sempre foram inevitavelmente invadidas pelo ruído da rua- e, mais recentemente, locais como a Biblioteca Mário de Andrade.

Em 2012, a reforma do extinto Conservatório Dramático e Musical, vizinho do Theatro, trouxe a São Paulo a Praça das Artes, complexo que hoje abriga a Escola Municipal de Música de São Paulo, salas de ensaio para os corpos artísticos do Theatro e a Escola de Bailado. Neste mesmo complexo foi construída a Sala do Conservatório, um espaço para apresentações camerísticas. E sede oficial do Quarteto da Cidade.

Finalmente, após anos de vida de cigano, o Quarteto ganha um lar. Soma-se a isso a recém contratação do maestro John Neschling como diretor artístico do Theatro Municipal, que traz olhares otimistas para a materialização da Fundação gestora e para a reformulação da Orquestra e dos outros corpos artísticos do município.

Para 2013, o Quarteto anunciou uma ambiciosa proposta: apresentar, durante o ano, todos os quartetos de cordas de Ludwig van Beethoven. Na estreia da Sala do Conservatório, no dia 16 de maio deste ano, foram interpretados o Quarteto op. 18, n. 2 e o Quarteto op. 59, n. 2. No dia 30, será apresentado o Quinteto para 2 violinos, viola e 2 violoncelos (arranjo da 1ª Sonata em Fá Maior para violoncelo e piano, op. 5), de Beethoven, com a participação ilustríssima do violoncelista grego radicado no Brasil, Dimos Goudaroulis.

Eu, como apreciadora de música clássica e “colecionadora” de concertos, não vou perder a integral dos quartetos. A estreia foi um arraso!

Se interessou? Vai lá:

30, qui, 20h

Quarteto de Cordas da Cidade de São Paul0

Dimos Goudaroulis – violoncelo convidado

Ingressos: R$30 e R$15 (meia). Clique aqui para comprar.

Praça das Artes – Sala do Conservatório

Avenida São João, 281 – Sé – São Paulo – SP. Telefone: (11) 3397 0327.

Repertório:

Franz Schubert – Quarteto op. 125, n. 1

Ludwig van Beethoven – Quinteto para 2 violinos, viola e 2 violoncelos -arranjo de Ferdinand Ries da 1ª Sonata em Fá Maior para violoncelo e piano, op. 5